Pânico

>> quarta-feira, 27 de julho de 2011

Hoje o dia já começou tenso. Acordei sobressaltada, nervosa, pilhadíssima. Dificuldade de respirar, dor abdominal, e a cabeça lotada de pensamentos ruins. Minha vontade era ficar trancada em casa, deitadinha na minha cama  e não ver a luz do dia ou saber do mundo lá fora. Muita necessidade de me sentir protegida e segura. 

Há algum tempo eu não tinha uma crise tão ruim. E tome rivotril para conseguir sair de casa. Por sorte o Leo ainda estava aqui e me levou na terapia, se eu tivesse que sair sozinha, não iria rolar. Durante a consulta falei dessas sensações péssimas que sinto e chorei apavorada e preocupada. Simplesmente não conseguiria ir a Ipanema (que é longe da minha casa) para a consulta com a minha psiquiatra. Isso me gerou uma tensão maior ainda, mas só de imaginar o trânsito, o túnel, a distância de casa, as pessoas na rua, o escuro da noite, cara, não dá. Hoje não dá. O pânico me derrubou, me venceu mais uma vez e eu me sinto muito mal por causa disso...

0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

  © Blogger template Wild Birds by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP