Guerra no Rio

>> quinta-feira, 25 de novembro de 2010

Nada melhor para um paciente em tratamento de pânico, fobias e outros do que o dia de hoje no Rio de Janeiro. Sabe lá o que é ver seu condomínio na televisão? Um carro do Corpo de Bombeiros virando a esquina de sua rua para socorrer carros queimados na rua de trás? Caramba... Eu estou muito nervosa e agitada. Já tive dor de barriga, dor de estômago, tremor nas mãos e pés, respiração alterada, vomitei e estou suando absurdamente, o suor escorre pelo meu corpo. E eu digo: é uma droga sentir-se assim! Estou mega preocupada porque o Leo está no trabalho e terá que passar por vários lugares perigosos antes de chegar em casa. Minha vontade é pedir que ele largue tudo e venha para casa. Mas e o percurso? Isso me preocupa demais! Céus, que cidade é essa? Como eu queria não precisar morar aqui, minha vontade de ir embora é enorme, quero paz, quero vencer meus medos, quero voltar a ter vontade de sair de casa, quero poder sair para passear e não passar mal. Quero voltar a ir ao cinema! A dar caminhadas na Lagoa e na Cláudio Coutinho. Quero passar finais de semana em Petrópolis e Penedo. Quero férias em NY. Quero coragem para voltar a fazer as coisa que gosto! O medo paralisa, maltrata, "engessa", entristece, deprime. Simplesmente não traz felicidade. Mas como encontrar a cura se vivo numa cidade em guerra?!

Nina Victor

0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

  © Blogger template Wild Birds by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP