John e a Informalidade da Fé

>> terça-feira, 23 de setembro de 2008



Ganhei meu primeiro computador em setembro de 1994. Eu nem queria o presente, achava besteira, mas minha mãe insistiu dizendo que era inadimissível, eu não ter meu próprio computador e impressora. Pois é... para quem cresceu sendo mimada deste jeito, até que não sou muito estragada...

Já nem me lembro como aconteceu, mas meu primeiro online buddy foi um senhor de 60 anos que morava em Jacksonville na Florida. Seu nome, John. Ele participava de um grupo de orações cristãs online e me convidou para participar, aceitei e passei a me corresponder com o grupo via e-mail e free cell (acho que o nome era esse), um programa que permitia bate papos e conversas em voz, um espécie de Skype dos velhos tempos das telas franciscanas com letrinhas verdes. A maioria das pessoas era bem mais velha que eu e se reuniam uma vez por semana para orar por quem precisasse. Era muito bom participar daquilo.

Foi o John quem me falou que não é preciso rezar formalmente para que Deus nos ouça, ao contrário, que as orações espontâneas são as que Ele mais gosta. O motivo dele ter me dito isso? Simples: havia pedido que ele me mandasse o Pai Nosso em inglês, pois gostaria de aprender. Ele não mandou e me ensinou o que acabei de contar. Até hoje não sei rezar o Pai Nosso em inglês, mas as palavras do Jonh me abriram uma nova perspectiva com relação à minha fé. E sou firmemente grata por isso.

Por onde andará o John?...

Nina Victor



1 comentários:

Jean Carlo 23 de setembro de 2008 10:11  

Engraçado isso Nina. Outro dia pensei a mesma coisa.
Tive meu primeiro computador em 2002, bem dizer, no final de 2002.
Lembro que quando o técnico chegou lá em casa, terminou de montar o pc e me disse duas coisas:
Vc liga aqui e aperta ali que o pc liga. Ele foi embora e o pc ficou ligado, e eu, sentado em frente olhando sem saber onde mexer hehehehe.
Mas voltando aos Online Buddys ;oP
Eu entrava muito em salas de bate papo pra conversar com as pessoas, mas não era aquela coisa de depois trocar e-mails, e tals.
Meu primeiro Online Buddy foi a Flavia, uma moça lá de Santos que conheci através da AOL, aquele bom e velho " Chegou mensagem pra você" hehehehe
Agente sempre conversava e trocava muitas dicas, porque nem ela nem eu entendíamos muito de internet e computadores.
A diferença do meu caso pro seu, é que até hoje eu tenho contato com ela. Claro, diminuímos bastante porque ela não usa muito o pc depois que seus filhos nasceram. Mas agente sempre troca e-mails, e ela é uma pessoa que gosto muito e há tempos já não a considero Online Buddy. Hj somos amigos de verdade.
Bom isso né?

beijão Nina

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

  © Blogger template Wild Birds by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP