O Testamento

>> quinta-feira, 28 de agosto de 2008




Hoje, no trabalho, li um testamento que me deixou emocionada. O testador conseguiu transformar a formalidade em poesia ao eternizar palavras de afeto e agradecimento a cada uma das pessoas ali mencionadas. Além dos bens materias, deixou também registrado o quilate do seu amor por cada um... no final das contas, o bem mais valioso. Muito bacana.

Nina Victor






Read more...

Cadê meu Patrono?

>> quarta-feira, 27 de agosto de 2008




Dementada. É assim que estou me sentindo. Parece que minha alma foi dar uma volta e largou meu corpo sozinho, sem ânimo para nada. Vontade mesmo, só de dormir. Deitar e dormir. Dormir profundamente até os olhos abrirem novamente, espontaneamente e, respirar e sentir meu espírito revigorado, pleno de energia.

Nina Victor



Read more...

Mau

>> sábado, 23 de agosto de 2008



Por onde andará o moço Maurício,
amigo longínquo,
o nômade urbano?...

Nina Victor

Read more...

Inócuo

>> sexta-feira, 22 de agosto de 2008




Criei laços,
rompi embaraços e
sugeri rotas de fuga.
E daí...

Nina Victor




imagem: george portz

Read more...

Pacto

>> quinta-feira, 21 de agosto de 2008


imagem: Pavlova



Se não há antídoto
vamos deixar o veneno fluir
pelos nossos corpos
em combustão invisível e discreta
aos desavisados que nos rodeiam.
Que as mãos se enlacem,
que as bocas desejem
e os olhares implorem
o pecado, o instante, a eternidade.
(não há amor que prescinda de cumplicidade)

Nina Victor



Read more...

Espreitando

>> quarta-feira, 20 de agosto de 2008



Te espreito a alma e o que vejo
é um anjo desajeitado e doce,
assustado feito um menino,
que não sabe o que fazer
pra sumir com as consequências
do que fez com seu destino...

Nina Victor


Read more...

Opostos

>> terça-feira, 19 de agosto de 2008





São diferentes, homem e mulher.
O que para ela remonta a eternidade,
Para ele não passa de um momento.
Duas visões diferentes
Definem o mesmo instante
Antagônicamente.

Nina Victor

Read more...

Ignorância



... ela ainda não sabia como é bom um lobo-mau.


Nina Victor

Read more...

Cum Grano Salis (*)

>> segunda-feira, 18 de agosto de 2008




"Por que as pessoas morrem?", ela indagou, pensando alto.
"Porque tudo é um ciclo", disse ele.

(e ao fundo, cães latiam rompendo o silêncio forjado da noite)

Nina Victor

(*) do latim: com alguma ressalva, com certa reserva


Read more...

Pré-Instante

>> domingo, 17 de agosto de 2008



otoru-onii.deviantart.com


Não importa o cenário real.
Já no pré-instante,
teu beijo me dá visões
de paraíso e fantasia...

Nina Victor


Read more...

Alice






O Chapeleiro é louco,
A Lebre é maluca e
Eu-Alice totalmente fora de mim!
"Eu tenho pressa à beça"...

Nina Victor



Read more...

Idade do Pato

>> quarta-feira, 13 de agosto de 2008





No dia em que completo a idade do pato comemoro com uma imagem de gato feita pela artista Petra Elster. Acordei bem, feliz e com o coração tranquilo. O dia é meu e só farei o que me dá prazer! Ficar em casa com as pessoas que amo, gatinhas incluídas, é a meta principal. Até pensei em sair, dar uma volta, ver o mar ou as montanhas. Mas minha casa está tão gostosa... Acho que vou ficar por aqui! :)

Nina Victor



Read more...

A um passo de jogar a toalha

>> segunda-feira, 11 de agosto de 2008



Não tem jeito.

Por mais que eu lhe conheça, ainda assim, fico impressionada e ao mesmo tempo decepcionada com a sua falta de vontade de melhorar. Com a falta de responsabilidade. Com o "corpo mole". Com a vocação para a derrota. Com a faciliade em acomodar-se numa situação incômoda. Fico espantada com a fuga da realidade, com a falta de atenção e percepção ao mensurar a importância das coisas. Causa-me tristeza a falta de amor-próprio, a inércia, a falta de objetividade e alguns outros detalhes. Não tem jeito. Tô quase jogando a toalha.


Nina Victor



Read more...

Dia dos Pais

>> domingo, 10 de agosto de 2008



Hoje, durante a madrugada escutei nitidamente a campanhia da porta tocar. Acordei meio assustada mas logo percebi o absurdo da coisa e me acalmei. Em seguida, pensei: "deve ser o meu pai que veio me visitar".Com este pensamento, voltei a dormir. Tranquila e segura.
Nina Victor


Read more...

Mix Bacanudo

>> sábado, 9 de agosto de 2008



Criei o Mix Bacanudo depois de muito pensar numa maneira de reduzir a quantidade de blogs que tenho. Pode parecer paradoxal, mas com a criação deste novo blog, reduzi de dezoito para seis a quantidade de blogs para eu administrar. Só ainda não sei se excluo os demais blogs ou se apenas os deixo fechados para o público em geral. Mas parece-me que a segunda opção será a escolhida por mim. Se eu conseguir migrar os posts que mais gosto dos outros blogs para o Mix Bacanudo, aí sim, acabarei por excluí-los. Vamos ver qual será meu próximo passo...

Nina Victor

Read more...

Cível. Saco!

>> quinta-feira, 7 de agosto de 2008


Hoje eu estou muito cansada. Cansadíssima, como se minhas energias tivessem sido sugadas e só a carcaça me pertencesse. Penso que pode ter a ver com meu trabalho. Depois da mudança de competência, tenho chegado em casa sempre esgotada. Não gosto do assunto. É muito chato e desinteressante. Dinheiro, dinheiro, dinheiro... o tempo todo só valores são discutidos. Não valores morais ou emocionais. Apenas valores pecuniários. Um saco. Contratos não cumpridos, dívidas, picaretagem, gente querendo se dar bem de todas formas e arrumar uma graninha extra. Gente com razão e sem razão. Não importa, tudo gira em torno do dinheiro. Não gosto disso, não me sinto bem. Para piorar a situação tenho que ficar conferindo custas, cobrando custas, fazendo contas, calculadora ao lado, legislação, enunciados e dúvidas, muitas dúvidas. Repito, não gosto da matéria. Saudade da décima sétima, meu velho cartório privativo de JG...


Nina Victor



Read more...

Confluência

>> domingo, 3 de agosto de 2008






Ela vivia dando corda pra ele.
Um dia ele correspondeu.
E ela ficou amarradona...

Nina Victor

Read more...

Clímax




Ilimitada entrega
sem medo nem regra:
permissivo prazer
de estar com você.

Nina Victor


imagem: Les Edwards







Read more...

Meu Caminho




Quando estou em seus braços
e sinto seu toque e carinho
meus medos se dissipam
e meu coração compreende
que você é meu caminho.

Nina Victor


Read more...

Formas de encarar a vida

>> sábado, 2 de agosto de 2008















Ao me deparar com estas belíssimas fotografias de Josephine Chervinska fiquei a pensar em como nossa postura diante da vida e do insondável futuro pode afetar nosso momento presente... Atitudes pessimistas constroem um panorama sombrio e nos fazem estancar; fé e confiança nos abrem claros horizontes. Tudo tão simples mas ainda assim, algumas pessoas não percebem isso. Que pena.

Nina Victor



Read more...

Meme: Perguntas e Respostas

>> sexta-feira, 1 de agosto de 2008



Eu quero: viver plena de saúde, sempre!

Eu tenho: uma fé inabalável em Deus e duas gatinhas lindas.

Eu gostaria de ter: o dom de curar as pessoas.

Eu gostaria de não ter: tendência para engordar.

Eu acho: eu não acho, eu pondero, penso.

Eu odeio: ter medo de sair e me divertir por causa da violência urbana.


Eu sinto saudades: da minha época de bicho-grilo em Visconde de Mauá.


Eu faço: loucuras por amor.


Eu fiz e não faria de novo: andar de montanha-russa.

Eu fazia e deixei de fazer: aulas de ballet.

Eu escuto: sons e silêncios.

Eu cheiro: a comida que faço para saber se está boa de tempero e saborosa.

Eu imploro: saúde, para mim e para todos.

Eu pergunto-me: por que sou tão tímida?

Eu arrependo-me: de não ter tentado a vida fora do Brasil, quando era jovem.


Eu amo: Deus, acima de tudo - depois, minhas gatinhas e meus amores.


Eu sinto dor: quando vejo um animal ser maltratado.

Eu sinto falta: do meu pai.

Eu sempre: invento musiquinhas para as situações e momentos que vivo.


Eu não fico: bonita de cabelo molhado.


Eu acredito: em Deus, consequentemente, na vida.

Eu danço: não mais... :(

Eu canto: todos os dias, desafinada e feliz!


Eu choro: frequentemente, por tudo e por nada; por emoção.

Eu falho: quando tento fazer pudim de leite e doces em geral.

Eu luto: para suportar meu trabalho, com saúde, até me aposentar e voltar a viver no dolce far niente...


Eu escrevo: quando não posso falar.


Eu ganho: peso... facilmente... rs

Eu perco: a compostura se aparecer uma barata onde eu esteja.

Eu nunca: participo de passeatas, protestos ou greves.


Eu estou: tendo que reaprender processo civil.

Eu sou: adorável! :)

Eu fico feliz: com a felicidade dos outros e com a minha também, claro!


Eu tenho esperança: de morar nos USA depois que me aposentar, ou, pelo menos passar parte do ano lá.

Eu preciso: emagrecer e uma cobertura duplex com piscina... :P

Eu deveria: fazer dieta e exercícios, já!


Gostei deste meme que vi por aí...
Resolvi responder.
Quem quiser, responda também!



Read more...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

  © Blogger template Wild Birds by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP